observatório do percurso socioprofissional dos diplomados da ua

Acompanhar o percurso dos seus antigos alunos, é uma matéria da maior relevância para a estratégia de desenvolvimento da Universidade de Aveiro. Com a criação deste observatório pretendemos acompanhar o percurso social e profissional dos diplomados da Universidade de Aveiro, recorrendo à auscultação e recolha de informação regular e estruturada através de questionários, enquadrada pela implementação de instrumentos de suporte (SIGAAA) e dinamização de ações que estreitem a ligação entre os antigos alunos e a sua Universidade (Rede Alumni UA). A atividade desenvolvida no âmbito deste Observatório do Percurso Socioprofissional dos Diplomados da Universidade de Aveiro deverá ter impacto determinante nos seguintes processos e áreas de atuação:

  • Avaliação e acreditação dos cursos da UA;
  • Planificação estratégica, ao nível do sucesso dos cursos da UA, traduzido pela sua empregabilidade e atratividade, bem como ao nível do impacto socioeconómico regional e nacional da inserção profissional dos diplomados UA;
  • Desenvolvimento e atualização curricular, traduzidos na relevância, abrangência e adequação dos curricula;
  • Organização e disponibilização de informação pública, de interesse para estudantes e futuros estudantes, bem como para empregadores.

Apelamos assim, desde já, à participação de todos os antigos alunos nas atividades de auscultação e recolha de informação que, periodicamente irão são desenvolvidas. Os resultados dos inquéritos bem como os estudos e relatórios resultantes da sua análise, são disponibilizados aqui.

O sucesso das atividades do Observatório será determinante na continuada afirmação da excelência da nossa Universidade!


estudo do percurso socioprofissional

publicações

última atualização a 27-06-2016
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.