Research Day_2012








O Centro de Línguas e Culturas marcou presença na iniciativa "Research Day" na Universidade de Aveiro, que decorreu a 13 de Junho de 2012, com uma apresentação oral e seis apresentações em poster, incluindo uma apresentação do centro de investigação.

Importa ressalvar que o trabalho da Doutora Josélia Neves, membro do CLC,  intitulado "Inclusive communication  strategies for accessible museums" foi destacado com o prémio de melhor poster.  

Apresentação oral:

“Charles Dickens e a experiência da Modernidade”
por Anthony Barker, Professor Associado, Deptº de Línguas e Culturas

Charles Dickens nasceu na cidade de Portsmouth há dois séculos, em 1812 (ano da retirada de Napoleão de Moscovo). A sua vida encontra-se, no entanto, intimamente ligada à cidade de Londres. O período da sua maturidade, como romancista, ocupa o arco temporal constituído por quatro décadas, no meio do século dezanove (1830-1870), numa época de profundas transformações políticas, sociais e económicas, altura em que ele surge como o primeiro escritor a enfrentar os problemas sociais relacionados com os processos de urbanização, de industrialização e de burocratização do estado moderno.
Dickens, o mais popular dos romancistas ingleses no século XIX, foi reconhecido pelos seus contemporâneos Karl Marx e Frederick Engels como um aliado no combate contra a pobreza e a injustiça, embora de um ponto de vista politicamente mais liberal.
Em boa verdade, o célebre criador de Oliver Twist ou David Coperfiel afirmou-se, desde cedo, como uma incontornável referência literária mas também como um símbolo e um farol de justiça e de liberdade. Autor de narrativas onde desenvolve uma crítica acérrima contra o desenvolvimento, em plena revolução industrial, factor de exclusão e gerador de pobreza e marginalidade, contra a estratificação da sociedade, contra a voracidade do capitalismo.

Nesta breve comunicação, em inglês, no preciso momento em que a Inglaterra e o mundo comemoram o bicentenário do seu nascimento, é meu ensejo realçar a importância de Charles Dickens como figura literária e intelectual, de dimensão internacional, e como profeta de um mundo moderno no qual nós continuamos, afinal, a viver. E, simultaneamente, criar um espaço e uma oportunidade para revisitar uma obra memorável cuja actualidade parece afirmar-se à medida que o tempo passa.

Dickens_talk - Barker.pdf | 28/02/2013 | clc / centro de línguas e culturas


Apresentação em poster

 Poster CLC 2012.pdf | 08/07/2013 | clc / centro de línguas e culturas

 Dioscorides and the  Portuguese Humanism: Amato Lusitano’s Commentaries | 30/01/2013 | clc / centro  de línguas e culturas

Bento Pereira’s  Prosodia.pdf | 28/02/2013 | clc / centro de línguas e culturas

Inclusive communication  strategies for accessible museums | 30/01/2013 | clc / centro de línguas e  culturas

Martial a glance of the  writer behind the textual author and of the man beyond the artist.pdf |  28/02/2013 | clc / centro de línguas e culturas

Description  and analysis of the translators' cognitive processes and its influence on the  translation task. | 30/01/2013 | clc / centro de línguas e  culturas

Social  representations and power dynamics in gender relations.pdf | 28/02/2013 | clc /  centro de línguas e culturas

última atualização a 20-05-2014
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.