associativismo

O movimento associativo surgiu, de forma consolidada na UA, em 1978, cinco anos depois do nascimento da instituição, com um objetivo que se mantém atual: representar institucionalmente os estudantes da Universidade de Aveiro, defendendo os seus interesses e aspirações, através da promoção de valores fundamentais para o exercício de uma cidadania ativa.<

associação académica da UA

Na UA a representação máxima dos estudantes nos órgãos de gestão da instituição, cabe à Associação Académica da UA (AAUAv) e aos vários núcleos associativos filiados na AAUAv.

Além de assegurarem a componente de integração dos estudantes na academia e de cooperação com outras entidades estudantis, os grupos associativos da UA constituem um polo dinamizador de atividades em áreas tão distintas, que vão desde a realização de iniciativas culturais e desportivas, à prestação de serviços de diversa ordem. A AAUAv, sedeada na Casa do Estudante, é ainda a responsável pela organização das festas académicas que assinalam o início (Semana de Integração) e o fecho (Enterro do Ano) das atividades letivas.

A conclusão de um curso não é sinónimo, contudo, de perda de contacto com a academia. A Universidade de Aveiro acolhe como seus estudantes permanentes e embaixadores da UA, todos os diplomados, acompanhando e promovendo o percurso profissional de cada um deles.

antigos alunos da UA

Para reforçar as relações entre a UA e os seus graduados surgiu, em 1990, a Associação de Antigos Alunos da Universidade de Aveiro (AAAUA), cuja missão passa também pela organização de iniciativas regulares com vista a estabelecer relações de solidariedade e convívio entre os antigos alunos, e destes com diversas entidades externas.

alumni

Nesta linha, de aproximação e cooperação da UA com os seus antigos alunos, foi criada mais recentementemente a Rede Alumni.

organizações associativas da UA

última atualização a 18-04-2016
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.