International Credit Mobility

No âmbito do programa ERASMUS+, a UA oferece oportunidades de realização de períodos de estudo em instituições fora da União Europeia. Esta atividade permite aos estudantes de licenciatura, mestrado e doutoramento da UA realizar estadias de 3 a 5 meses numa universidade parceira do projeto ICM da UA nos seguintes países: Cazaquistão, Tunísia, Sérvia, Fed. Russa, Montenegro, Georgia e Arménia. No menu lateral encontra-se uma lista de universidades parceiras nestes países.

Atividade

Mobilidade de estudantes de licenciatura, mestrado e doutoramento para fins de aprendizagem numa universidade parceira do projeto ICM da Universidade de Aveiro.

Duração e Bolsas

São elegíveis, para financiamento, períodos de estudo a ter lugar em 2018/2019. De salientar que a "bolsa de mobilidade" disponível no presente concurso prevê um apoio individual para atividades de aprendizagem no montante de 650 Euros por mês e ainda um montante para a viagem (que varia consoante a distância do páis de destino).

Participantes

São elegíveis, para a mobilidade ICM, estudantes da UA matriculados em cursos de licenciatura, mestrado ou doutoramento que participem num programa de mobilidade de estudantes aprovado ao abrigo de um acordo bilateral Erasmus+ previamente assinado pela Universidade de Aveiro e por uma instituição de ensino parceira do projeto ICM da UA.

Candidatura 

A pré-candidatura é efetuada online em https://paco.ua.pt/mobilidade . A pré-candidatura pode ser feita em simultâneo com outras candidaturas aos programas de mobilidade da UA. Continuam abertas as pré-candidaturas, excecionalmente para esse programa de mobilidade da UA, até ao preenchimento de todas as vagas disponíveis (40).

Avaliação e Seleção

De acordo com o Regulamento de Mobilidade da UA.
última atualização a 23-05-2018
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.