IEUA Sharing

1ª Temporada - 11ª Edição




Nurturing creative entrepreneurship; opening up institutions
Tom Fleming, Diretor na Tom Fleming Creative Consultancy

2 de Julho 2012, IEUA

Tom Fleming, diretor da Tom Fleming Creative Consultancy, é um reconhecido especialista internacional na área das Cidades e Indústrias Criativas. Já desenvolveu vários projetos em Portugal, incluindo o estudo sobre o “Desenvolvimento de um cluster de Indústrias Criativas na Região Norte” de Portugal e a sua importância para a revitalização de cidades deprimidas, e é diretor de programação da área “Cidade” do Guimarães 2012 – Capital Europeia da Cultura.


A sua abordagem centra-se na relação entre a criatividade e o desenvolvimento económico, na qual a criatividade se pode tornar um motor de crescimento de vários setores e promover a capacidade de um lugar para atrair cidadãos culturalmente ativos e com competências de excelência. Alguns projetos em que Tom Fleming esteve envolvido incluem estratégias de Clusters Criativos no Dubai e Líbano e a liderança de vários trabalhos de pesquisa e programas estratégicos para instituições públicas e agências de desenvolvimento regional no Reino Unido e a nível internacional.


Para além de membro fundador da Cultural Industries Development Agency em Londres, e Investigador Associado do Manchester Institute of Popular Culture, é atualmente conselheiro em políticas culturais para o Conselho da Europa e para o British Council e membro do Arts for All, uma instituição artística de beneficiência em Londres. A lista de clientes da Tom Fleming Creative Consultancy inclui a Comissão Europeia, UNESCO, Aliança das Civilizações e o Conselho da Europa.



Jornal UA Online
última atualização a 20-07-2017
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.