conferência esrea aveiro

TRANSIÇÕES E IDENTIDADE NA APRENDIZAGEM E NA VIDA

tema da conferência
A educação e as transições de vida de adultos constituem uma área de investigação emergente, mas cada vez mais conhecida, em especial a nível do Ensino Superior (Field et al, 2009), uma vez que reflete a natureza da vida no tempo moderno. Os percursos de vida das pessoas são atualmente menos lineares e, pelo contrário, efetivamente sujeitos a mudanças, muitas vezes por influência externa, tal como a perda do emprego, ou de natureza mais pessoal, como no caso de um divórcio.

Em tempo de mudança algumas pessoas poderão optar por regressar ao ensino e educação de adultos como forma de transformar as suas vidas, direcionando-as, assim, para um destino diferente e “melhor”. O ensino e a educação de adultos poderão ser entendidos pelo aprendente como uma oportunidade de desenvolvimento pessoal, mudança de identidade e transformação, assim como uma forma de obtenção de benefícios económicos, sociais ou educacionais.

Para alguns adultos estas transições poderão não ser uma experiência positiva, uma vez que enfrentam dificuldades de aprendizagem ou se debatem com limitações externas e/ou pessoais. Assim, as transições, em vez de representarem um passo em frente nas suas vidas, poderão levar estes adultos a voltar a retroceder ou a regressarem ao ponto onde se encontravam antes de voltarem ao ensino, por considerarem impossível “continuar em frente”.
Por toda a europa, a investigação na área das transições tem vindo a ser impulsionada pelo desenvolvimento e crescente aplicação de métodos biográficos na educação de adultos (West et al, 2007), uma vez que as biografias permitem captar as experiências de transição individuais ao longo da vida. Esta linha de investigação tem vindo a revelar as complexidades entre as experiências de aprendizagem e as transições, contextualizada no âmbito da educação de adultos. Poderá ainda ser um apoio, ao fornecer informação para o desenvolvimento de políticas e práticas.

Esta conferência abordou um vasto leque de temáticas do âmbito da educação de adultos, tais como:
– Como são as transições formadas e vividas pelos estudantes adultos em relação à turma, género, etnia, idade ou incapacidade
– Abordagem concetual e teórica às transições, identidade e percurso de aprendizagem
– Padrões de transição e identidade, em relação a desistências e retenções de ano
– O impacto da aprendizagem, identidade e transições em relação à família, emprego e comunidade
– A interligação (ou não) entre aprendizagem e percurso de vida
– Abordagens metodológicas na investigação das transições e da identidade
última atualização a 25-03-2013
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.