45 anos da UA
 

publicação e autoria

Os artigos propostos para publicação na RT&D devem respeitar a seguinte estrutura base: título, resumo e palavras-chave, introdução, revisão de literatura, metodologia, apresentação e discussão de resultados, conclusões, agradecimentos e referências bibliográficas (ou bibliografia). Sempre que se verifique, nos artigos deve constar, clara e objetivamente, a referência ao projeto em que se enquadram e o apoio financeiro de que beneficiam.

Para publicação na RT&D, os artigos científicos submetidos são encaminhados para um processo de revisão anónima (double-blind peer review), assegurado por um painel de três revisores científicos de prestigiadas universidades nacionais e internacionais. O processo de tramitação adotado pela RT&D é, assim, totalmente anónimo, sendo que nem os revisores têm conhecimento de quem são os autores do manuscrito, nem os autores têm acesso à identificação dos avaliadores que analisaram o seu trabalho.

O processo de revisão é composto por duas fases de avaliação e análise dos artigos, sendo que o intervalo que medeia a submissão e a aceitação para publicação depende da qualidade do artigo e da capacidade de resposta dos revisores Para cada artigo é definido um painel de três revisores científicos, cujas áreas de expertise se complementam em função das exigências específicas do manuscrito.

O revisor que é convidado a efetuar a avaliação de um artigo, desconhece a identidade dos restantes dois colegas do painel. A RT&D aceita a publicação de textos em português, inglês e castelhano, sendo que é sempre obrigatório a apresentação do título, resumo e palavras-chave em inglês, independentemente do idioma principal do manuscrito.

As edições, ou secções de uma edição, que não tenham passado pelo processo de revisão anónima, devem ser claramente identificadas.

Primando pelo rigor e pela responsabilidade científica, o Conselho Editorial da RT&D reserva-se o direito de não aceitar a submissão de trabalhos i) plagiados na íntegra ou em partes, ii) que contenham informação fraudulenta e iii) que não sejam originais, isto é, que tenham sido publicados em outra revista científica.
última atualização a 14-07-2016
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.