Interação Humano-computador › 41549

código no paco
41549
área científica
Informática / Sistemas de Informação
créditos
6
escolaridade
ensino teórico-prático (TP) - 2 horas/semana
ensino prático e laboratorial (PL) - 2 horas/semana
idioma(s) de lecionação
a inserir brevemente
objectivos

trata-se de uma disciplina introdutória à área da Interacção Humano- Computador que tem como objectivos específicos:
- promover a compreensão da importância da interface de utilizador num sistema interactivo;
- fazer uma introdução à bibliografia da área científica interacção humano-computador
- introduzir os conceitos, técnicas e ferramentas de projecto, implementação e avaliação de uma interface de utilizador;
- desenvolver capacidades mais genéricas como raciocínio crítico, capacidade de trabalhar em grupo e capacidade de comunicação oral e escrita.

competências

No final desta disciplina os alunos deverão estar habilitados a:

- Reconhecer a importância da interface de utilizador sitemas interactivos

- Reconhecer a importância de utilizar uma abordagem centrada no utilizador no desenvolvimento de sistemas interactivos

- Conhecer os principais princípios e paradigmas de usabilidade

- Conhecer uma metodologia de desenvolvimento centrada no utilizador e saber  aplicá-la no desenvolvimento de casos simples 

- Conhecer os estilos de diálogo e as principais directivas para a sua utilização correcta numa interface de utilizador

- Conhecer os principais dispositivos de entrada e saída e respectivos características de usabilidade

- Conhecer os principais métodos de avaliação da usabilidade de sistemas interactivos; saber realizar uma avaliação heurística e um teste de usabilidade simples.

conteúdos
1) introdução ao problema; princípios gerais do projecto de interfaces de utilizador e principais paradigmas de interacção.
2) perfil do utilizador: sistema de processamento de informação e sistema visual humanos; outras características importantes para o projecto de uma interface de utilizador.
3) modelo conceptual e modelos mentais; recomendações para o desenvolvimento de modelos conceptuais.
4) estilos de diálogo: características, resultados experimentais, condições de aplicação, formulários, linguagens de comando, teclas de funções, manipulação directa, linguagem natural).
5) utilização do espaço e da cor no ecrã: resultados experimentais, princípios e recomendações. modelos de cor.
6) tempo de resposta: observações gerais, princípios e recomendações.
7) documentação para o utilizador: princípios e recomendações.
8) engenharia de usabilidade. avaliação de interfaces de utilizador: objectivos e principais métodos de avaliação analíticos e empíricos.
9) ciclo de vida do software interactivo de acordo com uma abordagem centrada no utilizador, suas fases e principais resultados de cada fase.
10) modelos a utilizar no projecto de interfaces de utilizador: modelos do utilizador, análise de tarefas e notação do diálogo.
11) construção de interfaces e conteúdos web
avaliação
Exame e trabalhos em grupo.
requisitos

Bons conhecimentos de programação.

metodologia

Nas aulas teóricas são apresentados conceitos fundamentais, bem como exemplos de aplicação.

A componente prática da disciplina deverá desenvolver-se em duas fases: numa primeira fase devem ser avaliadas aplicações (se possível, desenvolvidas para diferentes plataformas), sites, dispositivos de electrónica de consumo ou outros dispositivos interactivos, através de diferentes técnicas de avaliação (avaliação heurística, métodos de observação e outros). numa segunda fase deverá desenvolver-se o projecto de uma interface de utilizador, seguindo uma abordagem centrada no utilizador, sendo a ênfase colocada na análise de requisitos. esta fase deverá também incluir o desenvolvimento de um protótipo e avaliação de alguns aspectos. os trabalhos deverão ser realizados em grupos de 2 alunos, sendo desejável que possam ser organizados por forma a que vários grupos contribuam para o mesmo objectivo. os trabalhos devem também incluir uma apresentação oral ou uma demonstração, bem como um relatório escrito.

bibliografia recomendada

Principal bibliografia

Alan Dix, Janet Finlay, Gregory Abowd, Russell Beale, Human-Computer Interaction, 3rd edition, Prentice Hall, 2004

Ben Shneiderman, C. Plaisant, M. Cohen, S. Jacobs, Designing the User Interface- Strategies for Effective Human–Computer Interaction, 5th ed., Addison Wesley, 2010

Deborah Mayhew, The Usability Engineering Lifecycle – A Practitioners Handbook for User Interface Design, Prentice Hall, 1999

Clayton Lewis and John Rieman, Task-Centered User Interface Design- A Practical Introduction

Peter Mitchell, A Step by step guide to usability testing, iUniverse, 2007

Ian Sommerville, Software Engineering, 7th ed., Addison Wesley, 2006

Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.