CEPAC


Apresentação do CEPAC

O CEPAC – Centro de Estudos e Peritagem em Auditoria e Contabilidade integra um corpo de especialistas nestes domínios que, a par da sua atividade académica e de investigação, prestam serviços externos, no âmbito do ISCA-UA.

Além da elaboração de estudos de índole científica nos domínios da Contabilidade, Auditoria e Fiscalidade, o CEPAC dedica-se à prestação de serviços à comunidade empresarial e a outras entidades, públicas e privadas, incluindo tribunais.

Esses serviços incluem, nomeadamente:

·       A realização de perícias de exame à escrita de empresas;

·       Avaliação de ativos empresariais;

·       Realização de inquéritos às contas de empresas;

·       Estudos económicos para quantificação de danos e lucros cessantes na atividade

 económica;

·      Apoio na decisão de pleitos financeiros.

 

Equipa CEPAC

Diretora: Carla Marina Pereira de Campos | carla.campos@ua.pt

 

Colaboradores:

Carla Manuela Teixeira de Carvalho | carla.carvalho@ua.pt

Carlos Alberto Valente dos Anjos | carlos.anjos@ua.pt

Cecília Margarita Rendeiro Carmo | cecilia.carmo@ua.pt

Fernando Manuel Faria Varelas Graça | fgraca@ua.pt

Fernando Manuel Marques Costa e Silva | fernando.silva@ua.pt  

Gilberto Fernandes | gilbertofernandes@ua.pt

Graça Maria do Carmo Azevedo | graca.azevedo@ua.pt

Helena Coelho Inácio | helena.inacio@ua.pt

Jorge Manuel da Rocha São Marcos  | sao.marcos@ua.pt

Jorge Pedro do Vale Martins | jorgepmartins@ua.pt

Paulo Jorge Ferreira da Silva | paulo.silva@ua.pt

 

Contactos

Telefone: 234380110 

Emailcepac@isca.ua.pt

 

Regulamento CEPAC

O regulamento do CEPAC estabelece normas de procedimento que garantem a qualidade e fiabilidade dos serviços prestados:


1.  A atividade do CEPAC rege-se pelo respeito dos valores do rigor científico e da independência académica.

2. No exercício da sua atividade, os colaboradores do Centro gozam de plena autonomia científica e técnica, podendo contudo, quando tal se mostre adequado ao bom desempenho das suas funções, obter apoio de outros especialistas ou de auxiliares para a realização de trabalhos de campo, sob sua responsabilidade e orientação.

3.  Prestação de serviços ao exterior far-se-á no respeito dos princípios da isenção e imparcialidade, evitando toda e qualquer situação de potencial conflito de interesses.


 


Os docentes ao serviço do Centro atuam na qualidade de funcionários do ISCA-UA, ficando sujeitos aos deveres inerentes ao seu estatuto enquanto docentes do ensino superior.






última atualização a 11-05-2020
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.