Valorização: Processo

O processo de valorização de conhecimento produzido na UA é gerido pela UATEC, de forma confidencial, visando a sua exploração industrial e comercial, e considerando para tal 8 etapas:

  • Pesquisa ao Estado da Técnica: a pesquisa diz respeito ao processo de vigilância tecnológica, e deve antecipar qualquer registo de propriedade intelectual, com o intuito de identificar líderes científicos e industriais associados a tecnologias semelhantes ou concorrentes;

  • Comunicação de Invenção: o processo de transferência de tecnologia inicia-se com este documento, tendo em vista a exploração industrial e comercial da invenção, criação, obra ou conhecimento. 

  • Proteção: a propriedade intelectual protege os direitos inerentes às criações da mente humana, como sejam as invenções, as obras literárias ou artísticas, as marcas e os desenhos ou modelos. Por conseguinte, a estratégia de proteção será definida tendo em consideração as diferentes modalidades de proteção da propriedade intelectual, bem como a capacidade de demonstrar o eventual plágio e/ou uso indevido da tecnologia no mercado.

  • Avaliação: esta etapa compreende a vigilância tecnológica, a pré-avaliação do potencial de patenteabilidade e do potencial comercial da tecnologia, a disponibilização do perfil tecnológico e a participação em brokerage events.

  • Valorização: a etapa de valorização consiste na elaboração de estudos de mercado, avaliação do potencial de patenteabilidade e do potencial comercial da tecnologia, elaboração do plano de licenciamento e identificação e interação com potenciais licenciados.

  • Negociação: a negociação ocorre quando o resultado da interação com os potenciais interessados se revela positiva e é onde ambas as partes tentam obter o maior benefício sobre a exploração do conhecimento/tecnologia desenvolvido.

  • Licenciamento: nesta etapa visa-se a contratualização para a exploração da propriedade intelectual – assim como o conhecimento que lhe está afeto – a empresas com interesse, viabilidade e capacidade para explorar industrial e comercialmente o respetivo processo, produto e/ou serviço.

  • Pós-licenciamento: nesta fase é verificado o cumprimento das condições acordadas no contrato de licenciamento, através da análise dos principais marcos e/ou metas a serem alcançados pelo licenciado, em determinados períodos temporais e em determinados territórios, bem como através da monitorização das transações fiscais dos produtos/serviços licenciados.

última atualização a 11-03-2013
Este sítio web utiliza cookies sem recolher informação pessoal que permita a identificação dos utilizadores. Ao navegar neste sítio está a consentir a sua utilização.saber mais
Para que esta página funcione corretamente deve ativar a execução de Javascript. Se tal não for possível, algumas funcionalidades poderão estar limitadas.